Chamem o Mordomo

Raquel Varela

Quem acordou hoje acha que o mundo sofreu um abanão – nos EUA, no Brasil, na Venezuela. Na sua teoria das crises e revoluções Marx salientava o seguinte – a queda tendencial da taxa de lucro mais cedo ou mais tarde abre brechas irreparáveis dentro das classes dirigentes, a sua disputa pela riqueza produzida (concorrência) adensa-se, há falências de um lado, concentração de riqueza do outro. Essa luta pela riqueza faz transferências da periferia para o centro, de sectores para sectores e dentro dos próprios países elimina concorrentes, até que há um momento em que o Estado, «gestor comum» destes negócios, não consegue mais suportar sem grande instabilidade o embate entre os de cima. O pai Estado não tem força para os irmãos em combate, a guerra entre eles vai destruindo a casa toda – preferem queimar o quarto de cada um a deixar o outro vencer. Marx considerava –…

Ver o post original 415 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s