A cada um o seu Nobel

Courelas

Shelter From The Storm from Andrew Lawandus on Vimeo.

Este meu dia foi de derrota, própria, coisas da vida, de a tentar ganhar, logo pela manhã. E de decisão garbosa, minha, réstia de energia, sei lá onde ainda a encontro, “às derrotas há que comemorá-las, às vitórias sofrê-las”, inventei-me. A meio da comemoração, esta mesmo que decidi, um amigo, ali a abancar nos já uísques, avisa do nobel de hoje. Festa logo, claro! A cada um o seu nobel, este meu, como de tantos nós. E, muito mais do que isso, muito mais do que o pobre e gasto nobel, a cada um o seu Dylan, esse labiríntico.

Este é o meu primeiro, não mais do que os outros que vieram, mas o meu primeiro Dylan, Hard Rain, o live em vinil comprado aos 14 anos, o ainda algo para mim incompreendido , como não naquela idade?, “shelter from…

Ver o post original 459 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s