Vídeos do mini-curso sobre o pensamento de Mireille Delmas-Marty – Cátedra franco-brasileira no IRI/USP

Saúde Global

11796223_10153182033813732_3154927470119007424_nForam divulgados pelo IPTV/USP os vídeos do mini-curso Impacto da internacionalização do Direito sobre as Relações Internacionais: uma leitura interdisciplinar do pensamento de Mireille Delmas-Marty,ministrado em 12 horas de 21 a 23 de julho de 2015 na Biblioteca Brasiliana Mindlin por Kathia Martin-Chenut (CNRS/Cátedra Franco-brasileira no Estado de São Paulo), Deisy Ventura (Instituto de Relações Internacionais e FSP/USP) e Michelle Ratton Sanchez-Badin (FGV Direito SP), destinado a estudantes de graduação dos cursos de Relações Internacionais e Direito. O mini-curso é uma das atividades da Cátedra franco-brasileira Internacionalização do Direito e Relações Internacionais: interações e metamorfoses patrocinada pelo Consulado Geral da França em São Paulo e pela USP, concebida e acolhida pelo Instituto de Relações Internacionais (IRI/USP). Nossa professora convidada, Kathia Martin-Chenut, é grande difusora no Brasil do pensamento de Mireille Delmas-Marty, Professora Emérita do Collège de France, de quem foi assistente de pesquisa e é hoje uma ativa colaboradora.

A seguir…

Ver o post original 195 mais palavras

Anúncios

Laudato Si :Una Enciclica anti-sistemica:la opinión de un marxista

Leonardo Boff

MICHAEL LÖWY é um dos mais criativos e fecundos intelectuais brasileiros. De ascêndencia hebraica, nasceu no Brasil em 1938 mas passa grande parte do tempo em Paris como Diretor de Pesquisa do Centre National de la Recherche Scientifique. Faz frequentes viagens ao Brasil para cursos e assessorias acompanhando de perto as política nacional, sempre numa perspectiva libertadora. É um dos melhores conhecedores da Teologia da Libertação com obras que cabe serem lidas e estudadas: Marxismo e Teologia da Libertação, Cortez, São Paulo 1991; A guerra dos deuses: religião e políticas na América Latina, Vozes 2000; Redenção e utopia:o judaismo libertador na Europa Central. Companhia das Letras, Rio de Janeiro 1989 entre outros. É um dos fundadores do ecosocialismo em nivel internacional e lançou em 2014 o livro O que é o ecossocialismo? Editora Cortez, São Paulo. Representa um marxismo aberto e humanista sempre em diálogo com as correntes…

Ver o post original 1.960 mais palavras

11 Billion People by 2100 Will Greatly Impact Global Health, by Brian Krans

Saúde Global

081015_worldpopulation_THUMB_LARGEHealthline – A growing global population highlights the need for family planning resources, healthcare workers, and better access to healthcare.

The population of Planet Earth is expected to exceed 11 billion people by the end of the century, according to new official United Nations population projections.

At the moment, the global population is about 7.3 billion, an increase of a billion people in the past 12 years.

While the global population continues to grow, it’s doing so at a lower rate than before. Recently, the Earth’s inhabitants grew at 1.24 percent each year, while it’s currently down to 1.18 per year, creating an increase of 83 million people annually.

This continuing growth, as well as a growing number of people with unprecedented life expectancies, will create new and lasting challenges for healthcare worldwide.

It’s not a simple question of human numbers. If you want to diagnose the problems, look…

Ver o post original 454 mais palavras

A Quiet Revolution in the Treatment of Childhood Diarrhea

Saúde Global

The New York Times – by Donald G. McNeil Jr.

Far from the world’s fears about Ebola and MERS, a quiet revolution is taking place in the diagnosis of a disease much more prosaic but far more threatening: childhood diarrhea. After pneumonia, diarrhea is the deadliest threat to infants worldwide, killing about 700,000 every year.

More than 40 pathogens — viruses, bacteria and parasites — cause diarrhea in children in developing countries. According to decades-old guidelines from the World Health Organization, these children should receive oral rehydration; intravenous rehydration if they cannot keep fluids down; and a zinc supplement.

Abshira Abdukadir, a four-year-old girl in Somalia, being treated for diarrhea, which kills 700,000 infants each year. Credit Roberto Schmidt/Agence France-Presse — Getty Images Abshira Abdukadir, a four-year-old girl in Somalia, being treated for diarrhea, which kills 700,000 infants each year. Credit Roberto Schmidt/Agence France-Presse — Getty Images

The guidelines also say that children should receive antibiotics only when there is blood in their stool. At the time the recommendations were written…

Ver o post original 1.031 mais palavras

Implicações da Descriminalização do Uso de Drogas para a Saúde Pública

Saúde Global

Post-STF-Facebook-01Uma Nota de Profissionais e Estudiosos da Saúde

Plataforma Brasileira de Política de Drogas – O iminente julgamento pelo Supremo Tribunal Federal de um recurso extraordinário que questiona a constitucionalidade da criminalização do porte de drogas para uso pessoal tem suscitado inúmeras manifestações da sociedade civil.

Frequentemente, notamos que algumas opiniões emitidas nestes debates ferem as melhores evidências científicas disponíveis nos campos da Medicina, da Saúde Coletiva e das Ciências Sociais aplicadas à Saúde.

O Direito Constitucional é a base do julgamento dos ministros e ministras do STF na matéria em questão. Não obstante, a natureza polêmica e moral do tema tem colocado apelos emotivos e apresentado supostos riscos à saúde que poderiam trazer alguma intranquilidade à tomada de decisão no plenário do tribunal.

Como profissionais e estudiosos do campo da Saúde, desejamos prover um conjunto de informações com reconhecimento acadêmico sobre os efeitos de medidas de relaxamento na penalização…

Ver o post original 1.404 mais palavras

Forum Internacional das ONG de Cooperação e Desenvolvimento

Global Heritage - Local Memories

O que fazemos

O FIP visa criar condições para uma maior participação das ONGs no debate público internacional, para que possam influenciar as negociações internacionais em matéria de desenvolvimento, direitos humanos e solidariedade internacional. O Fórum promove a diplomacia não-governamental, a fim de monitorar as negociações intergovernamentais em âmbito nacional, regional e global, e assegurar a participação da sociedade civil em processos decisórios e nos mecanismos de governança global.

Os membros fundadores do FIP (as plataformas nacionais do Chile, do Brasil, da França, da Índia e do Senegal) e a Primeira Assembleia Geral do FIP em 2011 proveram os três pilares estratégicos para o Fórum: o desenvolvimento de capacidades das Organizações da Sociedade Civil (OSC); advocacy sobre a agenda internacional; e a promoção de um ambiente favorável para as OSC.

Seu funcionamento é regido por princípios comuns: governança democrática, transparência e partilha de informação, e igualdade de participação de seus…

Ver o post original 1.504 mais palavras

Climat : avant la COP21, les États adaptent leurs promesses

Saúde Global

Jim Cole/AP Jim Cole/AP

Le Figaro – Par Blandine Le Cain

INFOGRAPHIES – En annonçant une réduction de 26% de ses émissions en vue de la conférence sur le climat de décembre à Paris, l’Australie a suscité les critiques de la part des défenseurs de l’environnement. Car comme pour d’autres pays, derrière cet engagement se cachent quelques arrangements avec les chiffres. Explications.

AdvertisementL’Australie a emboîté le pas des autres pays en publiant, mardi, ses prévisions d’engagement en vue de la conférence sur le climat prévue à Paris en décembre, la COP21. Le gouvernement de Tony Abbott a annoncé une réduction de ses émissions de carbone de 26% d’ici à 2030, un engagement qui servira de base dans les discussions de cet hiver. Le chiffre peut sembler ambitieux; il a pourtant déclenché la colère de l’opposition australienne et des ONG de défense de l’environnement.

«L’Australie de Tony Abbott confirme qu’elle est l’un…

Ver o post original 978 mais palavras

Blogue ATS

Grupo de investigação Ambiente, Território e Sociedade do ICS-ULisboa

Ecomuseus.PT

Processos Museológicos participativos

COREM 2a. Região

Conselho Regional de Museologia 2a. Região [RJ, MG, ES]

Conexões da Zona Sul

Mapeamento participativo da economia solidária na Zona Sul de São Paulo

Life-Mind-Play

growing-thinking-sharing

A CASA DE VIDRO.COM

Portal Cultural & Livraria Virtual. Plugando consciências no amplificador! Um projeto de Eduardo Carli de Moraes.

inventario participativo

processos ecomuseais

Courelas

Dizem-se coisas que são coisas que se dizem

Instituto de História da Arte

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas - Universidade Nova de Lisboa

radioafrolis.wordpress.com/

O audioblogue Rádio AfroLis é um espaço de expressão cultural feito por afrodescendentes a viver em Lisboa. Artistas, menos artistas, pessoas comuns e menos comuns falam sobre negritude, racismo e identidade revelando facetas da consciência negra emergente em Portugal.

ICOM Costume Committee: 3rd to 9th of July, 2016 in Milano

ICOM Costume Committee: 3rd to 9th of July, 2016 in Milano

[Lisboa é POESIA] - Lisboa__Lx

■ Passeios Poético-Fotográficos ■ Passeios Poético-Literários ■

Blablablamuseos

Más X Más= Más Cultura

Caminhos da Memória

leituras contemporâneas da história e da memória

A Palavra

Só mais um site WordPress.com

seeds of good anthropocenes

identifying socially-ecological bright spots that could grow & connect to produce a better anthropocene

Seminário Políticas para Diversidade Cultural

O que diversidade tem a ver com políticas públicas, direitos humanos e produção cultural?